A Faculdade Interamericana de Ciências Sociais - FICS é uma instituição de ensino paraguaia que, por meio da Lei Nacional nº 2972/06, foi estabelecido como Instituto Superior Interamericano de Ciências Sociais, sendo reconhecida pelo Ministério da Educação e Cultura da República do Paraguai. É a primeira instituição paraguaia a se especializar na área de Relações Internacionais, integrando novos programas de mestrado e doutorado periodicamente, visando a formação em diferentes áreas do saber e contribuindo na formação de pesquisadores, com o site fics.edu.py pelo reconhecimento do estado paraguaio sobre o vínculo com a Educação Superior, outorgado somente a IES credenciada. no país.

Cursos

Os programas de Mestrado e Doutorado da FICS são na modalidade Stricto Sensu, oferecidos nas seguintes áreas: Ciências da Educação; Saúde Pública; Ciências Jurídicas; Administração de Empresas; Neurociências; e Pós- Doutorado em Educação.

Revistas Científicas

A FICS administra duas revistas científicas que estão habilitadas para a publicação de seus alunos, devidamente registradas baixo as nomenclaturas de MINERVA MAGAZINE OF SCIENCE, e EDITORIAL SALUD encontradas na internet pelos endereços minerva.edu.py e editorialsalud.edu.py, no intuito de divulgar pesquisas, artigos e dissertações desenvolvidas principalmente por seus alunos durante o período de formação acadêmica.

Avaliação Externa

A Comissão de Avaliação Institucional Externa, após análise contundente das estruturas, administrativas e acadêmicas, da Faculdade Interamericana de Ciências Sociais-FICS, avalia seguindo aos parâmetros CAPES/CNPq, com nota final 6 (SEIS), no âmbito qualitativo do Ensino, da Pesquisa e da Extensão e seus cursos, destacando positivamente a excelência do corpo docente, índices qualitativos de aproveitamentos dos ingressos em seus programas Stricto Sensu, estruturação de grupos de Pesquisa, com acervo de pesquisadores, cadastrados no diretório do CNPq.

Aspecto Pedagógico

A FICS tem o princípio epistemológico da Qualidade, para a formação do ser humano compreendido nas suas dimensões afetivas, cognitivas e sociais. Esta formação passa, necessariamente, por uma nova concepção de preparação de profissionais que apresentam uma revisão profunda dos diferentes aspectos que interferem na formação, na organização institucional, na definição e estruturação dos conteúdos para que respondam às necessidades de atuação destes profissionais que envolvem aprendizagem e desenvolvimento de competências.

Os programas de Mestrado e Doutorado são estruturados e direcionados desde a composição de suas grades curriculares, fundamentando-se em uma produção e publicação de conhecimentos, os quais são necessários ao crescimento e desenvolvimento científico, social e cultural do Mercosul.

A FICS prima pela construção do conhecimento, valorizando a pesquisa e a extensão como princípios pedagógicos essenciais ao exercício e aprimoramento do profissional no aperfeiçoamento da prática educativa.

Os Projetos Pedagógicos da FICS, estão adequados a Legislação Brasileira, especificamente na LDB 9394/96 e as Diretrizes Curriculares Nacionais para a formação inicial em nível superior e para a formação continuada, fundamentados na Resolução CNE nº 02 de 2015, fundamentado nos princípios que norteiam a Base Comum Nacional Brasileira.

Os Programas Educacionais da FICS, foram construídos a partir do senso de qualidade e excelência, que possibilita um ambiente de participação e de avanço na sua construção, reafirmando o compromisso com a vocação continental e com as questões de seu tempo.

Reconhecimento de Diplomas

É de conhecimento geral que, para ter validade no Brasil, o diploma concedido por estudos realizados no exterior deve ser submetido ao reconhecimento por universidade brasileira que possua o devido curso avaliado e reconhecido pela Capes, levando em consideração que a FICS tem suas atividades educacionais reconhecidas no Estado Paraguaio, o qual faz parte do Mercosul. O reconhecimento dos títulos pode ser realizado pelo Estado Brasileiro, a fim de se fazer cumprir seus compromissos perante os demais países que compõem o Mercosul, conforme a LDB.

Conforme dispõe o art. 48, § 3º da Lei de Diretrizes e Bases (LDB) da Educação, o curso deve ser na mesma área do conhecimento e em nível de titulação equivalente ou superior.

Para agilizar o processo de reconhecimento e revalidação de títulos estrangeiros no Estado Brasileiro, em 2017, por meio da portaria normativa de número 22, o Ministério da Educação criou a Plataforma Carolina Bori.

Trata-se de um sistema informatizado que reúne Instituições de Ensino Superior (IES) Públicas e Privadas devidamente credenciadas que, por adesão, oferecem as informações necessárias para que os requerentes (diplomados) solicitem a Revalidação ou o Reconhecimento dos seus diplomas estrangeiros. O endereço da Plataforma Carolina Bori pode ser acessado clicando aqui.

Da mesma forma, a Plataforma Carolina Bori se constitui numa ferramenta pública de consulta pública, administrada pelo MEC/CAPES. Nos seguintes números podem ser verificados alguns exemplos de diplomas da FICS reconhecidos no Brasil: 1, 2, 3, 4, 5, 6, 7, 8, 9, 10, 11.

É importante destacar que muitos alunos que concluíram os cursos ofertados pela FICS solicitaram a progressão através do plano cargo/carreira/remuneração em universidades públicas e particulares, assim como em outras instituições de nível superior a nível municipal e estadual, obtendo êxito com a diplomação alcançada na FICS.
Modalidade Pedagógica

Vale ressaltar que os cursos de Mestrado, Doutorado e Pós- Doutorado oferecidos pela FICS são realizados na modalidade presencial. Desde o inicio da Pandemia da COVID-19 e posterior às inúmeras consequências, onde a educação também foi afetada, como as demais IES da região, a FICS teve que se adequar às novas dinâmicas pedagógicas, utilizando a tecnologia, inclusive o uso de Plataforma EAD, com aulas síncronas e assíncronas, onde de certa forma os cursos se tornam mais dinâmicos e conseguem se adequar à modernidade e realidade em que os alunos estão inseridos.

Implementando diferentes recursos e metodologias, são realizadas diversas atividades para garantir uma melhor preparação do aluno, como seminários, congressos, grupos de estudo, plataforma de suporte acadêmico, produção e publicação científica, objetivando que os discentes consigam atingir os objetivos exigidos num programa de formação Stricto Sensu.

Outras informações sobre os programas de Mestrado e Doutorado da FICS, podem ser obtidas através do e-mail: ipv@ipv-pos.com.br

1

Mestre em Ciências da Educação

Inscrição: R$ 600,00
Parcelas mensais: 24 x R$ 780,00
Pré-defesa: R$ 600,00
Confirmação de banca e titulação: R$ 3.000,00 (valor integral para FICS)
2

Doutorado em Ciências da Educação

Inscrição: R$ 800,00
Parcelas mensais: 24 x R$ 990,00
Pré-defesa: R$ 800,00
Confirmação de banca e titulação: R$ 4.000,00 (valor integral para FICS)
3

Mestre em Saúde Pública

Inscrição: R$ 700,00
Parcelas mensais: 24 x R$ 950,00
Pré-defesa: R$ 600,00
Confirmação de banca e titulação: R$ 3.000,00 (valor integral para FICS)
4

Doutorado em Saúde Pública

Inscrição: R$ 900,00
Parcelas mensais: 24 x R$ 1.100,00
Pré-defesa: R$ 800,00
Confirmação de banca e titulação: R$ 4.000,00 (valor integral para FICS)
5

MESTRADO EM CIÊNCIAS DA EDUCAÇÃO

Inscrição: R$300,00 (para o parceiro no Brasil)
Matrícula: R$700,00 (valor integral da FICS)
Mensalidade: 24 x R$890,00
6

MESTRADO EM NEUROCIÊNCIAS

Inscrição: R$300,00 (para o parceiro no Brasil)
Matrícula: R$700,00 (valor integral da FICS)
Mensalidade: 24 x R$890,00
Observações:
O valor final contempla as despesas de conformação de banca examinadora, defesa oral e pública e o grau correspondente.
Não serão feitas transferências para valores finais nem para utilização de créditos.
Os valores devem ser avaliados anualmente para eventuais aumentos na abertura de novos grupos e/ou projetos específicos, o que deve ser estipulado em adenda específica a este acordo-quadro.
Outros cursos, projetos e/ou áreas não contemplados neste contrato devem ser

    Curso

    É Whatsapp?